E se o cão for abandonado em casa?

Quando o tutor do animal entra em contato com um Anfitrião, faz a reserva e o animal fica hospedado, a equipe DogHero acompanha todo o processo. Todos os dados do Tutor (nome completo, CPF, RG, endereço, telefones para contato, redes sociais, etc) ficam salvos em nosso sistema, garantindo assim que possamos localizá-lo e contatá-lo em qualquer situação.

Antes de um Anfitrião aceitar uma reserva, aconselhamos que haja a troca de mensagens entre Anfitrião e tutor para esclarecer qualquer dúvida e também pegar todos os dados de contato. Também lembramos que é possível marcar um pré-encontro pra que vocês se conheçam.

Essas medidas por si só já causam um efeito preventivo, já que o tutor sabe que todos os seus dados estão salvos e que ele será facilmente localizado.

Além disso, estamos amparados pela lei: Art. 32, da Lei Federal nº. 9.605 de 1998 (Lei de Crimes Ambientais) e o Art. 164 do Código Penal, que prevê o crime de abandono de animais para aqueles que introduzirem ou deixarem animais em propriedade alheia, sem consentimento de quem de direito.

Mesmo com todas as medidas preventivas, caso aconteça algum caso de abandono na casa de um Anfitrião, a equipe DogHero auxiliará e dará todo o suporte necessário.

Se o Anfitrião optar por ficar com o animal temporariamente, arcaremos com todos os gastos até encontrarmos um lar permanente. Caso o Anfitrião não queira ou não possa ficar com o animal, também não será problema, já que temos muitas ONGs como parceiras e uma enorme rede de Anfitriões que são completamente apaixonados por animais, facilitando a DogHero encontrar um lar permanente para o peludo!

Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

0 Comentários

Por favor, entre para comentar.